quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Primeiro

Se esse blog tivesse sobrenome, ele certamente viria seguido de Terceiro ou Quarto. Sim, porque esse já deve ser lá para o terceiro ou quarto blog que eu resolvo fazer. Mas vamos lá, 2012 está aí e pode ser que não passemos de dezembro, então vou tentar mantê-lo pelo menos até o tão temido fim do mundo.

O nome do blog é outra coisa sobre a qual devo comentar. Tentei resgatar o meu antigo blog, que achei que estivesse só desativado, mas descobri que o apaguei (provavelmente em uma das inúmeras faxinas que resolvo fazer de uma hora para outra na minha vida). Apaguei, não consegui recuperar e, pior, descobri um outro com o mesmo nome no Wordpress.

Foi aí que começou meu sofrimento para poder escolher um outro nome de blog. Passei o dia pensando, fazendo combinações, escrevendo nomes e, no fim, saiu Sobre Sambas e Saudade. Não que eu tenha ficado satisfeita, claro que não. Afinal, como uma boa virginiana, nunca iria chegar a um nome que eu ficasse plenamente satisfeita.Mas, por fim, acho que o este nome fala muito de mim. Afinal, minha vida tem sido marcada por sambas e saudade desde que eu me entendo por gente.

Não pretendo escrever um blog para milhares de leitores (e acho que nem consigo ser interessante assim). Escrever, para mim, é muito mais um exercício de botar para fora tudo o que eu penso e sinto, sem nenhuma pretensão de ser engraçada, polêmica, literata ou popular. Mas para quem se interessar, por aqui vocês encontrarão um pouquinho de tudo o que eu gosto: música, livros, viagens, sentimentos, política, opiniões e bastante bobagem, porque ninguém vive só de assuntos sérios.

Bom, vamos lá então, cruzando os dedos para eu não desistir mais uma vez!