sexta-feira, 13 de junho de 2014

Desassossego

Tem horas que o coração desassossega. A gente pode estar na companhia das melhores pessoas, mas a saudade é uma só: de quem sempre esteve por perto e não está mais. E é uma saudade arretada, danada de doída. Aperta lá dentro do peito, aperta pra danar.

Vem, volta, porque parte de mim ficou com você. E parte de você ficou comigo. Uso capião, não tem mais devolução.

Então volta pros meus dias, volta pra minha vida, tá difícil pra caramba viver sem você.